Comunicado Especial aos Estudantes da Univiçosa

Comunicado Especial aos Estudantes da Univiçosa

Confira e comunicado e, ao final, perguntas e respostas importantes.

Publicado em 29 de maio de 2020

Prezados estudantes da UNIVIÇOSA,

O mundo está passando por uma crise sem precedentes. Não é possível prever com exatidão as consequências da pandemia de COVID-19. O que se vê, em todo e qualquer tipo de noticiário, são estimativas, hipóteses criadas por meio de cálculos, números, comparações a partir do histórico de outras epidemias.

O momento aspira cuidado. Trata-se de um período delicado e, por esta razão, importantíssimo. É importante que fiquemos atentos às mudanças que aconteceram e continuarão acontecendo em decorrência dos desdobramentos da crise. É fundamental que tenhamos foco, para que nossos objetivos e metas não se percam em meio ao caos. Para isso, faz-se necessário que busquemos entendimento.

A duração desta crise é incerta. Por quanto tempo nossas rotinas serão alteradas? Por quanto tempo enfrentaremos os desafios que a pandemia e suas consequências nos impõem? Por quanto tempo nossas vidas acadêmicas, pessoais e profissionais estarão remodeladas? São perguntas impossíveis de se responder no momento. Por isso, novamente, é importante que tenhamos cuidado. É importante que sigamos cuidando uns dos outros, em todos os âmbitos, durante este período desafiador.  

Desde que a  pandemia de COVID-19 se aproximou de nós, tendo sido diagnosticado o primeiro caso de transmissão interna no Brasil, o Centro Universitário de Viçosa – UNIVIÇOSA trabalha para adaptar suas atividades à nova realidade mundial. É bom que se diga: uma realidade temporária. Essa adaptação requer que pensemos na saúde, segurança e bem-estar de toda a comunidade acadêmica, assim como a de seus familiares.

Diante disso e respeitando o que foi estabelecido pelo Ministério da Educação, Ministério Público e demais instituições que respondem pela Educação no País, a UNIVIÇOSA dará início ao Regime Letivo Especial a partir do dia 1º de abril (quarta-feira). As atividades remotas estão sendo realizadas pelos nossos professores, considerando o Plano de Atividades do Regime Especial Remoto criado pela Instituição em decorrência do atual cenário.

É importante que vocês tenham ciência de que estamos trabalhando diariamente, discutindo alternativas, pensando e repensando toda e qualquer ação. Os professores, juntamente com os gestores dos cursos, estão adaptando o conteúdo teórico das disciplinas para que as aulas sejam ministradas de forma remota temporariamente.

É importante ressaltar que todos os cursos de graduação da UNIVIÇOSA são presenciais. Entendemos e valorizamos todas as particularidades do ensino presencial, por este motivo, optamos por investir nessa modalidade de ensino, a fim de buscar a excelência no ensino holístico.

O cenário preocupante, imposto pelas consequências da pandemia, nos exige medidas cautelosas e responsáveis. Por isso, nós, gestores das Instituições de Ensino Superior somos orientados e amparados por órgãos superiores, para que nossas ações estejam em consonância com os direitos e deveres dos cidadãos. A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional possibilita que o ensino fundamental, médio e superior sejam ministrados utilizando as Tecnologias de Informação e Comunicação – TIC’s em situações emergenciais.

Por isso, queremos que vocês, estudantes, entendam que essas medidas provisórias não significam que estamos alterando os nossos cursos presenciais para cursos a distância.  Estamos apenas trabalhando, neste difícil cenário, para atender os nossos discentes da melhor forma possível. Para isso, estamos investindo em TIC’s para assim proporcionarmos o processo de ensino-aprendizagem, conforme a determinação do Ministério da Educação – Portaria 343, de 17 de março de 2020.

Neste complexo momento que estamos vivendo, é essencial que estejamos unidos para vencer os desafios impostos pela COVID-19 e suas consequências. Por isso, desde o início do isolamento social, já fizemos incontáveis reuniões utilizando ferramentas on-line. Absolutamente todos os nossos professores estão em sintonia com os gestores dos cursos, a fim de que possamos proporcionar a vocês o melhor dos cenários em meio ao caos instaurado.

As aulas seguem sendo ministradas pelos seus professores. O conteúdo e as aulas estão sendo adaptados para as plataformas utilizadas. A dedicação e o empenho dos professores não continuam os mesmo: triplicaram. Eles estão trabalhando muito para que possam conduzir as aulas da melhor forma possível durante este período provisório, a partir de metodologias eficientes e do uso de materiais complementares.

Ressaltamos também que cumpriremos com todas as nossas obrigações trabalhistas como pagamento de salários do corpo docente e técnico administrativo, impostos, pagamentos de bolsas de estágio, iniciação científica, monitoria, pró-aluno, mesmo não estando na normalidade do regime presencial. Entendemos que é um momento passageiro e vamos conseguir vencer essa batalha juntos.

O isolamento social é necessário. Somente desta forma, manteremos quem amamos em segurança. Enquanto este período não passa (esperamos que passe logo!), sigamos nos adaptando e unindo forças, para que saiamos desta crise juntos e cuidando uns dos outros. Tão logo a situação estiver normalizada e tivermos condições de retomar nossas atividades em segurança, o faremos. Reestruturaremos nosso calendário acadêmico e faremos o que for preciso para voltar à nossa rotina o mais rápido possível.

Para finalizar, deixo a todos uma mensagem de Mário Sérgio Cortella: "Faça o teu melhor, na condição que você tem, enquanto não tem condições melhores para fazer melhor ainda".

Vamos juntos, estudantes e colaboradores, passar por esse momento tão triste e desafiador fazendo o nosso melhor! Fiquem com Deus.

Cordialmente,

Evaldo Zeferino Rodrigues

Reitor do Centro Universitário de Viçosa – Univiçosa
__________________________________________ 

Recebemos muitas perguntas de membros da nossa comunidade acadêmica. Por isso selecionamos as principais questões para que as dúvidas possam ser esclarecidas:

1 – Durante este período de impedimento das atividades presenciais, como ficam as aulas? 

No dia 1º de abril, a UNIVIÇOSA deu início ao Regime Letivo Especial, respeitando o que foi estabelecido pelo Ministério da Educação e demais órgãos competentes. As atividades remotas estão sendo realizadas pelos nossos professores considerando o Plano de Atividades do Regime Especial Remoto criado pela Instituição em decorrência do atual cenário. A Univiçosa investiu em novas Tecnologias de Informação e Comunicação – TIC’s para amparar o processo de ensino-aprendizagem, conforme a determinação do Ministério da Educação – Portaria 343, de 17 de março de 2020.

2 – Como ficarão as aulas práticas? Serão substituídas por aulas remotas?

Os cursos que conseguirem cumprir as atividades de prática e estágio durante o Regime de Ensino Remoto, estarão dispensados da reposição das aulas práticas. No entanto, as aulas práticas dos cursos que não tiverem essa possibilidade serão ministradas normalmente após o controle da pandemia, o fim do isolamento social e a retomada de nossas atividades presenciais.

3 – O que devem fazer os alunos matriculados em TCC II? 

Fica facultado aos alunos, matriculados em TCC II, requerer o conceito de Insuficiência, prorrogando-se o prazo para a defesa do TCC para o próximo semestre, 2020-2, sem custo extra e sem a necessidade de rematrícula na disciplina. O requerimento deverá ser feito via RPA online ou outro meio idôneo até o dia 3 de julho de 2020.

4 – Como fica o calendário com essas alterações? 

Como não há previsão do retorno, estamos estudando a mudança do Calendário Acadêmico do primeiro e segundo semestre de 2020 para adaptar às exigências que o cenário atual nos impõe. Certamente o calendário será alterado. Essa é uma das pautas de nossas muitas reuniões diárias. Estamos estruturando nossas atividades, aguardando a evolução da pandemia e monitorando os comunicados dos órgãos competentes.

5 – Estágios obrigatórios estão mantidos? 

De acordo com o Plano de Contingência da UNIVIÇOSA, em função da pandemia de COVID-19, todas as atividades de estágios internos dos nossos estudantes foram suspensas durante o período de isolamento social. Os estágios externos, obrigatórios e não obrigatórios devem ser analisados caso a caso, juntamente ao gestor de seu curso. Em caso dúvidas, entre em contato com o Núcleo de Estágios, pelo e-mail estagios@univicosa.com.br.

6 – É preciso pagar a mensalidade, mesmo sem aulas presenciais?

 Sim. Durante o período temporário do Regime Letivo Especial, a UNIVIÇOSA cumprirá todos os serviços contratados pelos estudantes. A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional possibilita que o ensino fundamental, médio e superior sejam ministrados à distância em situações emergenciais. Por isso, atualmente, apesar das atividades presenciais estarem pausadas, reitoria, docentes, gestores e técnicos administrativos seguem trabalhando para dar início às atividades remotas de maneira efetiva e assegurando qualidade no processo de ensino-aprendizagem.

7 – O valor das mensalidades será alterado?

 Não. De acordo com a Lei Federal 9.870/99, a contratação dos serviços particulares de educação se dá por anuidades ou semestralidade. No parágrafo 5 da referida Lei, "o valor total, anual ou semestral, apurado na forma dos parágrafos procedentes, terá vigência por um ano e será dividido em doze ou seis parcelas mensais iguais". Dessa forma, a suspensão das aulas nas Instituições de Ensino não implica em descontos nas mensalidades.

8 – A UNIVIÇOSA está fazendo para auxiliar os estudantes prejudicados financeiramente pela pandemia? 

A UNIVIÇOSA implementou um sistema de negociação de débitos, a fim de auxiliar os estudantes neste período de crise. São vários pontos de flexibilização. E cada caso será analisado individualmente para que possamos atender a todos, entendendo a particularidade de cada situação. A UNIVIÇOSA também criou o UniFácil Especial, que flexibiliza as regras para contratar o serviço de Mensalidade Reduzida com Ampliação do Prazo de Pagamento. Para dar início à negociação, preencha o Formulário de Solicitação clicando aqui.

9 – Como ficam as listas de espera do ProUni? 

O Ministério da Educação divulgou o resultado final das listas de espera do ProUni no dia 25 de maio. Clique aqui para saber detalhes.

10 – Como fica a situação de quem tem Fies e não está conseguindo quitar os débitos? 

De acordo com nota publicada pelo Ministério da Educação no dia 25 de maio, estudantes em débito com o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) terão direito a suspender o pagamento durante o estado de calamidade pública gerado pela pandemia. O limite é de quatro meses para beneficiários em fase de amortização e de dois meses para quem está em fase de utilização ou de carência. Para efetivar a suspensão das parcelas, o estudante precisa manifestar interesse, até 31 de dezembro, para seu agente financeiro — Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil. Os bancos ainda disponibilizarão canais de atendimento específicos para solicitar a suspensão do pagamento. A medida vale apenas para os contratos que estavam adimplentes antes da vigência do decreto de calamidade pública, ou seja, somente para quem já estava com o pagamento em dia antes da pandemia. Clique aqui para ter acesso à nota divulgada pelo MEC. Em caso de dúvidas, entre em contato com nossos consultores pelo WhatsApp (31) 3899-8000.

11 – É possível trancar a matrícula, neste momento? 

Sim. O estudante que deseja adiar seu curso através do trancamento, poderá fazê-lo até o dia 9 de cada mês, dia que antecede o vencimento da mensalidade. Vale ressaltar que as mensalidades devem estar quitadas até a data do vencimento.

12 – Como atualizar boletos de mensalidade vencidos? 

Os boletos vencidos não necessitam de atualização. No momento do pagamento ele será recalculado. A UNIVIÇOSA informa, ainda, que não irá cobrar juros e multa por atraso no pagamento das parcelas de semestralidade que vencerem durante a situação de excepcionalidade. A tolerância com o atraso no pagamento das parcelas da semestralidade permanecerá até o prazo de 02 (dois) meses, contados do cancelamento, pelas autoridades, das restrições impostas pela pandemia de Covid-19, quando, permanecendo a situação de inadimplência, voltará a incidir multa e juros sobre os referidos débitos.

13 – A Biblioteca vai funcionar neste período? 

Não. A Biblioteca permanecerá fechada até que as atividades presenciais sejam reestabelecidas. Todo o material necessário para acompanhamento das aulas será disponibilizado pelo professor na plataforma de ensino remoto. Durante o período de suspensão das atividades acadêmicas, a Biblioteca não cobrará multas referentes aos empréstimos de livros vencidos e as renovações podem ser realizadas via sistema com a extensão do prazo de devolução.

14 – A bolsa que recebo (monitoria, iniciação científica, estágio, pró-aluno) será cortada? 

Não. A Univiçosa manterá a bolsa normalmente, mesmo para os estudantes que não puderem realizar suas atividades nesse momento de crise. O contrato terá um aditivo que permite prolongar as atividades, sem prejuízo financeiro nesse período em que o estudante está em casa.

15 – Como faço para entrar em contato com a UNIVIÇOSA?

Para conversar com a gente, basta enviar uma mensagem para nossa Central de Relacionamento Institucional, pelo WhatsApp (31) 3899-8000.


Fonte: https://www.univicosa.com.br/uninoticias/noticias/comunicado-especial-aos-estudantes-da-univicosa